NOTíCIAS

Duas grandes conquistas para os representantes comerciais

07 Julho, 2022

Senado aprova benefício tributário para representantes comerciais e na Câmara, o deputado Luis Miranda fez a relatoria favorável à isenção de IPI para o representante comercial na aquisição de veículos

Foi aprovado no Senado Federal, com 70 votos, o PLS nº 5/2015, do senador Paulo Paim (PT-RS), com relatoria do senador Wellington Fagundes (PL-MT), que altera o enquadramento dos representantes comerciais no Simples Nacional, para reduzir a carga tributária da atividade da Representação Comercial.

O projeto (PLS 5/2015) do senador Paulo Paim reduz o pagamento de impostos para representantes comerciais e demais prestadores de serviços a terceiros, que passam a ser tributadas entre 6% a 17,42% e não mais na faixa de 16,93% a 22,45%.

Paulo Paim argumentou que o novo enquadramento vai tornar o Super Simples atrativo.

Já o relator, senador Wellington Fagundes (PL-MT), considera que o projeto é um alento para essas categorias.

Na Câmara Federal, o deputado Luis Miranda (REPUBLIC-DF) fez a relatoria favorável à isenção de IPI para o representante comercial na aquisição de veículos, no PL 981/2019.

Clique aqui e leia na íntegra o parecer.

Fontes: Agência Senado e Câmara dos Deputados


Parceiros

Utilizamos cookies para auxiliar na sua navegação e coletamos dados pessoais para atendimento das atividades finalísticas da entidade ou para atender interesses legítimos. Para mais informações, acesse nossa política de privacidade. Usando nosso portal, você aceita essas condições.

ACEITO